Notícias

DIA ANEC ES: Gestão Humanizada

28/01/2020
Por  Verlindo

A Associação Nacional de Educação Católica do Brasil promoveu em Vitória, no Espírito Santo, o DIA ANEC. Realizado no dia 29 de janeiro, de 8h às 12h, no Centro de Estudos Católicas de Vitória | Instituto de Filosofia e Teologia da Arquidiocese de Vitória, o evento reuniu 246 educadores das Escolas Católicas do Estado, com a presença de professores, diretores, supervisores, entre outros colaboradores de 13 instituições das 19 presentes no Espírito Santo. O DIA ANEC contou também com a participação de autoridades como representantes do Poder Legislativo, do Governo Estado do Espírito Santo, da Prefeitura Municipal de Vitória, do Sinepe-ES, do
Movimento ES em Ação e também pela ilustre presença do Arcebispo da Arquidiocese de Vitória, Dom Dario Campos.

Os convidados foram recebidos às 8h, com um coffee break especial, e logo após o momento foram acolhidos em uma missa presidida pelo Arcebispo e concelebrada pelos Salesianos de Dom Bosco, Pe. Moacir José Scari e Pe. Adenilson Lopes Rubim. A animação ficou por conta da Professora Andrea Almeida Martins e a equipe do Colégio Sagrado Coração de Maria.

Após a celebração, o reitor da Católica de Vitória Centro Universitário e representante da ANEC-ES, Prof. Cledson Martas Rodrigues, fez abertura do evento, dando boas-vindas aos participantes. Ele lembrou a todos que a Associação Nacional de Educação Católica do Brasil tem como finalidade atuar junto aos órgãos públicos, em especial os que cuidam da Educação, Cultura, Ciência e Tecnologia, Saúde e Desenvolvimento Social. Cledson também destacou que a ANEC e todos os educadores católicos têm a responsabilidade de desenvolver valores da cidadania, fé, justiça e ética, essenciais para a formação de crianças e jovens. “Em uma época em que somos levados ao consumo, ao individualismo, nossas instituições precisam ainda mais cuidar dos jovens, de uma formação de valores. Somos convictos de que o caminho é a educação! O Dia ANEC é a abertura do ano letivo nas escolas católicas. Para nós, é uma ocasião de muita alegria e esperança. Celebramos este dia com nossos
educadores e gestores, mas também com o público externo, em especial hoje, às autoridades aqui presentes” afirmou.

O reitor da Universidade São Francisco (USF) e representante da ANEC Nacional, Prof. Gilberto Gonçalves Garcia, também teve um momento de fala e fez um breve relato aos convidados sobre a História da Educação Católica no Brasil, destacando que o Estado faz parte desta narrativa e que os primeiros jesuítas que vieram para a capitania do Espírito Santo a fim de cumprir essa tarefa. Após contextualizar os participantes sobre a importância histórica da educação católica, Gilberto destacou o papel significativo das instituições de ensino católicas e do ensino no contexto atual. “Cada vez mais teremos que redescobrir nossa vocação no ensino básico e superior, trabalhando um ensino moderno com uma linguagem que saiba dialogar com a sociedade e a juventude, sem abandonar os valores cristãos que são essenciais para a formação integral dos alunos. Esse é o grande desafio das instituições de ensino confessionais na modernidade”, observou.

Uma das autoridades presentes no evento, o reitor do Centro Universitário UniAmérica, de Foz do Iguaçu, Prof. Ryon Braga, falou sobre a inovação na sala de aula e na formação do aluno para o mercado. “É nosso dever enquanto educadores trabalhar a formação ética e também preparar o aluno para o mercado. As instituições de ensino católicas devem aproximar seus projetos pedagógicos da comunidade e observar que a tecnologia não é apenas um complemente ou uma atividade em sala de aula. As novas tecnologias levam à mudança no aprendizado e no comportamento. É essencial compreender e trabalhar esse desafio! ”, destacou.

Os educadores presentes também tiveram a oportunidade de assistir à palestra sobre Gestão Humanizada, apresentada pelo Diretor-Geral da Rede Sagrado e escritor, Prof. Amaro França. Em um clima de acolhimento e motivação, o palestrante levou os convidados a refletir sobre o mundo atual e a necessidade cada vez maior de adaptação, aprendizado e desenvolvimento pessoal. Amaro destacou como a educação católica é transformadora e a dimensão do afeto pode transformar a formação dos estudantes. Após o momento de formação, a diretora do Centro Educacional Agostiniano e membro do conselho da ANEC-ES e da comissão do evento, Ir. Rita Cola, e o Prof. Cledson Rodrigues homenagearam Rita de Cácia Moulin Allemand, que aposentou da direção pedagógica do Colégio Salesiano Jardim Camburi, e Adriano Fiorese, pelos serviços prestados à frente da Secretaria da ANEC-ES. Professor Gilberto Gonçalves Garcia, o palestrante Amaro França e o Arcebispo Dom Dario Campos também foram homenageados durante o evento.

Texto: Colégio


Leituras relacionadas

Remodal